«O que se passou em Dume foi uma vergonha e  falta de respeito»
  • «O que se passou em Dume foi uma vergonha e falta de respeito»

    O Terras de Bouro perdeu por uma bola a zero na casa do líder Dumiense. Mas o jogo não foi nada pacífico. Os terrabourenses queixam-se que o lançamento que originou o auto-golo de Moreira para os donos da casa era a seu favor.

    A equipa orientada por Ricardo Silva acusou ainda a arbitragem de fazer vista grossa a uma grande penalidade já na recta final do encontro, por uma pretensa mão de um jogador do Duminense.

    Na sequência desse lance, Rui Gama e Gustavo foram expulsos do banco. Isto quando a equipa já jogava com nove jogadores devido às expulsões de Miguel Gama e Rui Soares, no decorrer do jogo.

    «Uma autêntica vergonha»

    Ricardo Silva, conhecido por Xiço, disse ao Desportivo online que o que se passou durante o jogo «foi uma vergonha».
    «O que se passou em Dume foi uma autêntica vergonha e uma falta de respeito pelo trabalho desenvolvido pelos meus jogadores. Hoje os meus homens foram uns heróis. Conseguir sofrer apenas um golo num campo inclinado, criar a melhor oportunidade de golo e ainda conquistar um penálti claro, onde só o árbitro não viu, não é para todos. Tiraram-nos do jogo de uma forma bem clara. Foi fácil demais mostrar cartões vermelhos a uma equipa».