GD Prado entra a ganhar no campeonato

GD Prado entra a ganhar no campeonato

O GD Prado venceu esta tarde o Arões por 2-0, no arranque do campeonato da Pró-Nacional. Numa partida onde os pradenses apresentaram muitas baixas (Bié, Paulo Ricardo, Maka e Moreira, obrigando mesmo Zé Nuno a improvisar um central (Ni), Bruno Silva abriu o caminho para o triunfo, aos 29 minutos, e Cláudio saltou do banco, na segunda parte, para fechar as contas do jogo, numa jogada de puro contra-ataque, que nasceu num pontapé de canto a favor do Arões.

O Arões procurou assumir as despesas do jogo e até foi a primeira equipa a criar perigo por Zé Pedro, aos 18 minutos. No entanto, os foram sempre uma equipa muito combativa e organizada, deixando o adversário assumir o protagonismo para depois desferir o golpe fatal.

O experiente Bruno Silva ganhou uma bola ao meio campo, galgou metros, driblou o adversário e inaugurou o marcador faltava um minuto para a meia hora de jogo.

Ainda antes do intervalo, os locais reclamaram uma falta na área sobre Sebá. O árbitro nada assinalou.

No segundo tempo, Rui Novais mexeu na equipa para tentar chegar ao empate e até o podia feito. Aos 57 minutos, Diego Negou o golo a Pato e aos 75’ Rúben defendeu para canto um remate de Paulinho.

E seria na sequência desse lance que o Prado chegou ao segundo golo. Lousada teve um remate desastrado com Jota a colocar a bola na frente onde estava Cláudio. O extremo passou por dois adversários e rematou para o fundo da baliza.

Depois, o GD Prado controlou o jogo, não deixando que a sua baliza corresse mais perigo.

 

Parque de jogos de Arões
Árbitro: Jorge Lemos; assistido Emanuel Lobo e Vítor Ribeiro

Arões 0
Joel; Paulinho, Pato, Ferreira, Sebá, Gil (Korta, 65’), Agostinho (Macedo, 65’), Zé Pedro (Marco, 78’), Lousada, Rafa e Maurício.
Treinador: Rui Novais

GD Prado 2
Rúben; Sobrinho, Ni, Jota, Rafinha, Rafa, Diego (Ferreira, 73’), Álvaro (Ruizinho, 80’), Diogo, Bonjardim (Cláudio, 67’) e Bruno Silva.
Treinador: Zé Nuno Azevedo

Golos: 0-1, Bruno Silva (29’) e Cláudio (76’)
Amarelo: Sobrinho (16’ e 88’), Gil (30’), Sebá (40’), Álvaro (59’), Bonjardim (66’), Lousada 71’) e Ferreira (86’).
Vermelho por acumulação a Sobrinho (88’).