[feslider]

Formação e desenvolvimento

No futebol de formação é preciso entender que a base deve estar assente em pilares como o desenvolvimento humano, felicidade, liderança e superação.

Aliar o conhecimento à integração do atleta é um dos pilares fundamentais para o desenvolvimento do atleta, juntando os aspetos acima referidos.

Quando falamos em desenvolvimento humano, temos de olhar para a relação entre o treinador e o atleta reforçando, assim, a relação do atleta com o coletivo.

É importante que se procure incutir dinâmicas de grupo de forma a criar uma relação mais próxima, de confiança e de afeto para que o atleta se sinta confortável e feliz.

Outro aspeto fundamental é o da felicidade. Aqui temos de olhar principalmente para o sentimento de realização e de superação das adversidades. Se o atleta sentir e vir que o trabalho e o esforço estão a ser recompensados e, mais do que isso, que está a superar as dificuldades, o próprio vai ganhar mais confiança nele próprio e estar mais propenso a ouvir reparos e a intensificar o trabalho que deve desenvolver.

Na superação é importante que o treinador procure construir uma relação de confiança, saiba ler e interpretar o psicológico e o tipo de dificuldades que o atleta sente ao longo do seu percurso de formação.

Se um líder souber ler um atleta conseguirá tirar o melhor de cada um e, assim, conseguirá construir um coletivo competitivo, coeso e forte.

No processo de formação é fundamental captar os pais, familiares e amigos para construir uma equipa unida e forte em torno de um objetivo comum.

A formação é muito mais do que resultados nos jogos e conquistas de troféus.

Formar é alimentar, construir e fortalecer o espírito competitivo e o da vontade de querer fazer mais e melhor. Ter a ambição e vontade de querer sempre mais. Para que tudo isto seja possível, é fundamental ter boas estruturas físicas e humanas. É importante ter líderes capazes de entender que a melhor forma de alcançar o sucesso é a da conquista de um coletivo e do desenvolvimento pautado e seguro de cada atleta.

Um bom desenvolvimento e uma boa formação tornam os coletivos fortes e ganhadores. É importante haver formações contínuas e ambiciosas.

Os pais podem, e devem, ter um papel fundamental no desenvolvimento do atleta. Também devem ter uma palavra e um espírito ativo positivo no rumo de cada atleta e de um coletivo.

Se os pais estiverem presentes e forem acompanhando o dia-a-dia do atleta e, ao mesmo tempo, dialogarem com a estrutura conseguirão ajudar um líder a entender melhor as dificuldades e, assim, ajudar o atleta a melhorar a sua prestação, ao mesmo tempo que lhe dá mais conforto e segurança.

Se houver uma boa interação e convergência de ideias, valores e objetivos, as estruturas tornam-se mais coesas e fortalecidas conseguindo, dessa forma, trilhar caminhos de sucesso.