Troféu Reitor encerrou com finais e entrega de prémios
  • Troféu Reitor encerrou com finais e entrega de prémios

    O Troféu Reitor 2018 terminou ontem num dia repleto de emoções, surpresas, mas, principalmente de muita festa, com a entrega de medalhas e troféus aos vencedores deste ano. Esta foi a 25ª edição do evento desportivo de mais tradição na Academia Minhota, que junta numa mesma competição, alunos, docentes, funcionários e antigos alunos da Universidade do Minho.

    Após um mês de competição (iniciou no passado dia 21 de Maio), que contou com a participação de 438 atletas nas seis modalidades envolvidas (Badminton, Basquetebol 3×3 misto, Futsal Masculino, Golfe, Voleibol de Praia Misto e Corrida) chegou ao fim mais uma edição do Troféu Reitor que teve ontem o seu ponto alto com as finais e entrega de prémios a todos aqueles que conseguiram um lugar de pódio.

    A entrega de prémios começou com as modalidades individuais, sendo os primeiros medalhados, os atletas de Badminton. No feminino, o ouro foi para Ana Sofia Andrade (Eng. Mecânica) e a prata para Ana Filipa Sá (Eng. Biomédica); no masculino, Paulo Jorge Silva (Eletrónica Industrial e Computadores) foi ouro, Rui Carvalho (Gestão Industrial) foi prata e Paulo Sérgio Silva (Direito) foi medalha de bronze.

    Na modalidade de Golfe, na vertente Gross, o grande campeão foi David Aguiar, a prata foi para António Ressurreição e o bronze para Alexandre Carvalho. Na vertente Net, o ouro foi para José Vila, a prata para Nuno Ribeiro e o bronze para Carlos Pinheiro.

    Seguiram-se os medalhados do Voleibol de Praia, Basquetebol e por último os premiados no futsal masculino.

    Na modalidade “rainha”, que este ano contou com 20 equipas inscritas, o prémio Fair Play foi para Eletrónica. O prémio de melhor guarda-redes foi para António Leite (Eletrónica), o melhor marcador foi Rui Orlando Casimiro (Medicina) e foi eleito o melhor jogador, tal como no ano transato, Philippe Silva (Contabilidade)

    Texto: Ana Marques

    Fotos: Priscila Rosossi