[feslider]

«Já sentia que isto não era para o Prado. Os meus jogadores não mereciam isto»

Miguel Magalhães, treinador do GD Prado, deixou reparos à equipa de arbitragem.

«Antes de mais quero dar os meus parabéns à minha equipa, fui o treinador da melhor equipa da Pró-Nacional, a equipa que melhor futebol praticou, estou muito orgulhoso dos meus jogadores.

Já sentia que isto não era para o Prado. Os meus jogadores não mereciam isto. Logo no primeiro jogo tentaram condicionar-nos ao marcar o jogo para as 20h45.

Hoje (ontem) fomos logo condicionados no primeiro golo deles em que há uma falta clara sobre um jogador meu que ficou no chão amarrado à cabeça e o árbitro não parou o jogo e depois parece que o golo é fora de jogo.

Mesmo assim fizemos um excelente jogo, contra uma grande equipa também. Estou triste e frustrado porque quem merecia estar na final era o Prado», disse, no final, o técnico da turma pradense, Miguel Magalhães.